aeternidadeABR18

A eternidade no coração

Como as nossas atitudes impactam a vida eterna?

Onde você se vê daqui a cinco anos? Essa é uma pergunta que costumamos ouvir e fazer muitas vezes. Ela fala sobre onde desejamos estar num futuro próximo, e o que estamos fazendo hoje para que possamos chegar lá.

Mas, há uma outra pergunta importante a que devemos responder. Uma pergunta que enche folhetos que encontramos pelas ruas, em letras garrafais. Onde você passará a eternidade? Talvez, para nós cristãos, a resposta a esse questionamento pareça mais óbvia. Será?

Com certeza, muitos pararam para refletir sobre o seu futuro diante dessa pergunta. Outros, quando a ouvem ou leem, sentem medo e preferem não pensar nisso.

A verdade é que a eternidade está plantada em nós. Podemos evitar ao máximo pensar sobre ela, mas essa pergunta sempre vai existir em nós. O rei Salomão escreveu em Eclesiastes 3.11: “Ele fez tudo apropriado ao seu tempo. Também pôs no coração do homem o anseio pela eternidade”. Deus colocou em nós um senso de que há algo além da vida, um instinto pelo nosso verdadeiro lar.

Jesus ampliou nosso conhecimento e percepção sobre esse assunto quando declarou:

“Da mesma forma como Moisés levantou a serpente no deserto, assim também é necessário que o Filho do homem seja levantado, para que todo o que nele crer tenha a vida eterna. Porque Deus amou tanto o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna” (Jo. 3.14-16).Box aeternidadeABR18

A única garantia da vida eterna é Cristo. Essa vida que Ele nos promete começa com o novo nascimento e se estende por toda a nossa história nesta terra e, depois, por toda a eternidade. O que Jesus disse aos Seus discípulos, vale também para nós:

“Não se perturbe o coração de vocês. Creiam em Deus; creiam também em mim. Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu teria dito a vocês. Vou preparar lugar para vocês” (Jo. 14.1-2).

Essa perspectiva da eternidade precisa nos levar a viver uma vida diferente (Mt. 6.19-21). A maneira como vivemos hoje impacta diretamente a vida eterna. A maneira como buscamos as coisas de Deus determina como vai ser quando tivermos um relacionamento face a face com Ele. É como a semeadura, lançamos as sementes e as regamos aqui, para que possamos colher os frutos quando estivermos com Jesus.

Mas, como, então, devemos viver? O apóstolo Paulo responde:

“Porque a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens. Ela nos ensina a renunciar à impiedade e às paixões mundanas e a viver de maneira sensata, justa e piedosa nesta era presente, enquanto aguardamos a bendita esperança: a gloriosa manifestação de nosso grande Deus e Salvador, Jesus Cristo” (Tt. 2.11-13).

Seguir rumo à eternidade é viver em obediência ao Senhor e à Sua Palavra, em santidade e justiça. É crer que “nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles” (2Co. 4.17). Aguardamos um novo céu e uma nova terra, vivendo conforme a direção de Deus. E isso não só nas grandes coisas, não só quando estamos na igreja ou na célula, mas em todos os momentos, em cada detalhe e em cada palavra. Jesus veio a este mundo e nos mostrou como proceder em todas as situações, precisamos ser Seus imitadores.

Paulo disse também em sua carta aos Gálatas que “quem semeia para a sua carne da carne colherá destruição; mas quem semeia para o Espírito do Espírito colherá a vida eterna” (6.8). Somente semear no Espírito nos dá a vida eterna.

Sabendo de todas essas coisas, como você tem vivido? Onde você tem investido o seu tempo, seus recursos e o seu coração? Quais sementes você tem lançado para impactar diretamente a eternidade?

Podemos seguir a nossa vida tentando não pensar no que vai acontecer quando nossa trajetória nesta terra acabar. Como se a vida eterna não existisse. Ou podemos nos lembrar de que existe uma vida melhor para nós mais à frente, que não pertencemos a este mundo e estamos à espera da chegada ao nosso verdadeiro lar.

Jesus nos fez filhos e herdeiros de Deus, e Ele está preparando um lugar para nós. Viva hoje semeando sementes que vão durar eternamente.

 

SuelyBezerra