ovalorMAR18

O valor de ser mulher

Vivendo para cumprir os propósitos do nosso Senhor

Durante toda a Sua trajetória aqui na terra, Jesus andou acompanhado pelas mais diversas pessoas. Além de Seus 12 discípulos, muitas outras pessoas O seguiam e faziam parte de Seu ministério. Entre elas, estavam muitas mulheres. Elas estiveram com o Senhor enquanto Ele ensinava, pregava, curava e fazia milagres. E não deixaram de estar junto dele enquanto era acusado, carregava a cruz e morria por nossos pecados.

A Bíblia está cheia de história de mulheres que foram usadas poderosamente por Deus para que o Seu propósito se cumprisse. Elas eram completamente seguras e capacitadas, tinham responsabilidades e se tornaram parte importante na construção e no desenvolvimento da história de muitas pessoas.

Ester, por exemplo, precisou de muita fé e coragem para ir diante do rei, com o risco de ser morta, e defender o seu povo. Abigail sofreu com a insolência de seu marido e teve que agir. Com fé, discrição e sabedoria, foi até o rei Davi para salvar a sua casa. A jovem Maria creu nas palavras do anjo, mesmo correndo o risco de ser apedrejada, e se tornou a mãe do Salvador.

Algumas outras mulheres citadas na Palavra são Débora e Jael, heroínas e militares; Febe, diaconisa e ajudadora; Priscila, mestre na Palavra; Evódia e Sindique, dirigentes espirituais na igreja de Filipos.Box ovalorMAR18

São tantas histórias que nos inspiram e nos lembram de que Deus tem um papel importante e fundamental para a mulher em Seus planos. Ele nos criou com o dom da multiplicação. De fazer da comida, uma refeição. De uma casa, um lar. De uma semente, uma geração. E isso envolve todas as áreas da nossa vida, impacta todos os lugares por onde passamos.

Nunca foi propósito do Senhor que nos sentíssemos inferiores ou debaixo de um domínio injusto. Ele nos criou, exatamente como somos, para vivermos abundantemente e para abençoar muitas pessoas. Por isso, a Palavra fala tanto do nosso papel, de como devemos nos portar e das características que devemos buscar.

Em sua primeira carta, Pedro fala sobre como deve ser a conduta de uma mulher que segue a Jesus. Ele começa falando da importância de um comportamento submisso e um bom procedimento. E então, diz:

“A beleza de vocês não deve estar nos enfeites exteriores, como cabelos trançados e joias de ouro ou roupas finas. Ao contrário, esteja no seu interior, que não perece, beleza demonstrada num espírito dócil e tranquilo que era de grande valor para Deus” (v. 3-4).

Ele não está dizendo que as mulheres não podem se arrumar ou não devem usar joias e boas roupas, mas que a sua beleza não deve ser baseada nisso. Não adianta nada estar bonita por fora e ter um coração duro, ser grosseira e viver ansiosa. O que deve chamar a atenção em nós é a maneira como nos portamos, nossas palavras doces, como as de Jesus, e nosso coração que crê em Deus e ama as pessoas.

Pedro continua:

“Pois era assim que também costumavam adornar-se as santas mulheres do passado, cuja esperança estava em Deus. Elas se sujeitavam cada uma a seu marido, como Sara, que obedecia a Abraão e o chamava senhor. Delas vocês serão filhas, se praticarem o bem e não derem lugar ao medo” (v. 5-6).

Ele lembra do exemplo de outras mulheres da Bíblia e fala da importância de conhecer a sua história e procurar viver como elas viveram.

O Senhor nos chama para viver como Suas filhas, a cumprir o Seu chamado. A arte de ser mulher é reconhecermos o nosso lugar e florescermos onde Deus nos colocou. Quando fazemos isso, entendemos o nosso verdadeiro valor e cumprimos o nosso papel no propósito eterno de Deus.

Neste dia da mulher, comprometa-se a conhecer mais sobre as grandes mulheres da Bíblia. Busque saber o que a Palavra fala da conduta da mulher, de como o Deus nos vê. E, com isso, veja o que você ainda precisa aprender para ser a mulher que o Senhor te criou para ser. Não existe nada melhor e mais precioso do que isso.

Feliz dia da mulher!

 

SuelyBezerra