asededoapostoloFEV17

A sede do apóstolo Paulo

A motivação que nos leva a amar a Deus e influenciar as pessoas

Você, com certeza, já ouviu falar sobre o apóstolo Paulo. Ele é um dos fundadores da igreja primitiva, um homem que tinha um poder incrível para pregar e escreveu mais da metade do Novo Testamento. Mas sua história não começou assim. Paulo veio de uma boa família, estudou com os melhores professores e perseguiu, durante muito tempo, os cristãos. Até que um dia ele teve um encontro transformador com Jesus e sua vida nunca mais foi a mesma. Paulo entendeu que vivia por um propósito, que havia algo muito maior do que ele.Box asededoapostolo

Quando eu era jovem, entendi que Deus também tinha um plano para a minha vida e eu tinha muita energia para cumpri-lo. Então, tentava encontrar motivação para continuar focado neste objetivo. Foi quando eu li o livro de Filipenses. Ele foi escrito quando Paulo estava preso e revela muito sobre o que o motivava a prosseguir.

Eu fui impactado logo no começo dessa carta por uma frase que muitos de nós conhecemos muito bem:

“... porque para mim o viver é Cristo e o morrer é lucro” (1.21).

Para Paulo, tudo na vida levava a Cristo, mas havia algo muito melhor esperando, o dia em que ele não só leria sobre Jesus, poderia vê-lo e contemplar a Sua glória.

Então, ele continua:

“Caso continue vivendo no corpo, terei fruto do meu trabalho. E já não sei o que escolher! Estou pressionado dos dois lados: desejo partir e estar com Cristo, o que é muito melhor; contudo, é mais necessário, por causa de vocês, que eu permaneça no corpo” (1.22-24).

Paulo sabia que através de sua vida igrejas seriam plantadas, doentes seriam curados, demônios sairiam das pessoas e muitos conheceriam a Jesus. Ele tinha o desejo de ser fiel ao seu chamado, queria trabalhar duro, mas não escondia o seu alvo principal, o seu maior desejo, o de estar perto do Cristo ressurreto.

Este homem teve um grande impacto em sua geração. E ele não estava vivendo para a sua própria história, não saia da cama para pensar no seu grande ministério, não acordava se perguntando quem sabia o seu nome. Ele só fechava os olhos e clamava para que estivesse satisfeito em Jesus, em Seu sacrifício.

No capítulo 3, Paulo continua falando aos Filipenses e conta como perdeu tudo o que tinha – perdeu sua reputação, seus amigos, sua riqueza (v. 7-8). Mas ele não se importava, porque tinha Jesus. Não queria fama, dinheiro, posses. Só queria poder ouvir a voz do seu Salvador e conhecer o Seu coração. Por isso, prosseguia em meio às distrações. Nada poderia impedi-lo, ele queria prosseguir firme, até alcançar o seu alvo (v. 14-15).

É incrível pensar no impacto que o apóstolo Paulo causou naquela época. Um homem que antes perseguia os cristãos, se apaixonou por Jesus e se tornou um deles. Tudo porque entendeu que tinha um propósito, que desde o começo havia um plano para ele.

Quando nos formou, ainda no ventre de nossas mães, Deus escreveu uma história sobre as nossas vidas. Não somos um erro e nem um engano, fomos criados com um propósito. O Senhor tem um plano para cada um de nós. E, assim como Paulo, podemos ser agentes de transformação por onde quer que andemos, se entendermos que nada é mais importante do que estar perto de Jesus e conhecer o Seu coração.

Você dorme pensando no quê? Pelo que desperta pela manhã? Pensa num futuro brilhante, na fama que pode ter, nas curtidas que recebe nas redes sociais? Almeja ser bem-sucedido financeiramente? O maior sucesso que podemos alcançar é sermos cada dia mais parecidos com Jesus. É termos como perda, lixo, qualquer coisa que não seja a Sua glória. Se você disse sim ao Senhor, não é mais brasileiro, você é cidadão de um Reino que é eterno e deve viver de acordo com os seus valores e princípios.

Existe tanto a ser descoberto a respeito de Jesus. E Ele nos convida a sermos Seus aprendizes, a conhecê-lo no mais profundo. É assim que seremos influenciadores da nossa geração, assim que vamos impactar as pessoas que estão ao nosso redor: amando ao Senhor mais do que qualquer coisa que este mundo possa nos oferecer. Essa deve ser a nossa motivação.

 

DwayneRoberts